José Mourinho aceitou a sentença que lhe foi aplicada. Ou seja, um ano de prisão com pena suspensa e o pagamento de uma multa de cerca de 2 milhões de euros.Motivo? Fuga ao fisco em Espanha, quando ainda treinava o Real Madrid. 

Ao todo,o treinador vai pagar 2,2 milhões de euros por ter ocultado 3,3 milhões de euros ao fisco espanhol.

Mourinho devia ter pago 1.600.000 euros de impostos em 2011 e mais de 1.700.000 euros em 2012, como parte dos rendimentos que recebeu pela exploração dos seus direitos de imagem. De acordo com o jornal espanhol El Mundo, da acusação do treinador português consta que este criou a empresa Koper Services S.A. Situada nas Ilhas Virgens Britânicas, com o objetivo de “tornar fiscalmente opacos os rendimentos provenientes dos seus direitos de imagem”.

No entanto, José Mourinho “não declarou qualquer verba proveniente de direitos de imagem”.

O jornal diz ainda que o técnico foi sentenciado a um ano de prisão. Tal não irá cumprir por não ter antecedentes criminais e será substituída por uma multa de 182 mil euros.